capa
Gisele Berardi

Quem sabota a sua dieta? Hábitos para abandonar já

Gisele Berardi traz 7 situações que podem sabotar seu processo de emagrecimento

publicidade

Primavera chegando e nós aqui do sul começamos a ver partes do corpo escondidas pelos quilos de roupas necessárias para enfrentarmos nosso frio. E é nessa hora que surge, em muitas pessoas, aquele desespero: preciso emagrecer!

Por isso, hoje, escrevo sobre os sabotadores da dieta que você decidiu fazer. E pode ter certeza: eles podem ser os vilões que não deixam seu peso baixar. Quem são eles?

1. Falta de organização

Não adianta, sou a favor das rotinas, sejam elas alimentares, pessoais ou profissionais. Para se fazer uma dieta, sem rotina, dificilmente você vai chegar a algum lugar. Quer um exemplo? Se você faz suas compras de mercado cada semana num dia diferente, sem lista prévia, a chance de faltar alimentos adequados e você chamar uma tele-entrega é muito maior.

Por isso, quer emagrecer? Tenha rotina! Vá ao supermercado num determinado dia, faça lista de compras, faça feira, organize e antecipe a sua semana para que realmente consiga ter hábitos mais saudáveis. A pressa e a correria do dia a dia são ótimas desculpas para não fazermos o que deve ser feito.

2. Mudanças de uma só vez

Se você está com problemas de saúde, acima do peso, concordo que as mudanças se fazem necessárias, mas saiba que a construção de um hábito leva tempo para que o cérebro possa se adequar. Mude um hábito por semana, por exemplo. Na primeira semana você troca o café da mãnha. Na segunda, introduz a atividade física. Na terceira, revê o jantar e assim por diante. A chance de sucesso é muito maior!

3. Sem o básico não funciona

Não existe emagrecimento e saúde com questões básicas mal resolvidas como o intestino. Não adianta restringir comida de um corpo que não evacua. Primeiro comece fazendo seu corpo funcionar, depois exija dele emagrecimento. Ainda sobre o que é básico: o sono. Se você não dorme bem provavelmente terá dificuldades para emagrecer, maior compulsão alimentar e menor gasto calórico. Dormir e evacuar precisam estar regrados para que a sua dieta não vá por água abaixo.

4. Consumir bebidas calóricas

Um dos maiores erros que percebo em consultório é que as pessoas não contam as calorias dos alimentos líquidos que consomem ao longo do dia. Uma grande fonte calórica são os sucos, as bebidas alcoólicas, os refrigerantes. Comece retirando todos na primeira semana e trocando tudo por água e veja o resultado!

5. Só mais uma colherada

Sabe aquela colherada a mais ou aquela bala que você abre quase sem perceber ao longo do dia? Sim, elas fazem a diferença na matemática do emagrecimento e podem estar boicotando sua redução de peso. Portanto, observe-se, limpe pequenas escapulidas da dieta, por menor que ela possa parecer. Isso fará uma diferença incrível em poucos dias.

6. Falta de movimento

Não adianta, nosso organismo não nasceu para ficar parado, somos seres de movimento. A ausência desse movimento nos transformou (junto com outros hábitos) numa espécie acima do peso! Portanto, se você deseja emagrecer vai precisar se movimentar. Procure atividades que lhe dão bem-estar - e se isso ainda não acontece, procure atividades recomendadas pelos profissionais de saúde que te acompanham. Ficar parado não é a solução! 7.

7. Falta de persistência

Muitas vezes, voce está 1, 2, 10 anos engordando e mostrando pro seu corpo que é isso que você quer fazer. Aí em 15 dias você deseja resultados fenomenais e se não alcança já desiste. Persistir talvez seja o mais importante de todos os atos nesse processo, pois para virar a chave dos hormônios que estavam te auxiliando na engorda, muitas vezes, você vai precisar de tempo. Quanto? Não sei, cada organismo é um. Mas te garanto que no final vai ter valido a pena!

por Gisele S. Berardi

Gisele Silveira Berardi é mãe da Antônia e nutricionista funcional, com foco em emagrecimento e hipertrofia, infertilidade e envelhecimento saudável. Escreve semanalmente para o Bella+ com a missão de desvendar os segredos da alimentação saudável. @giselesberardi


compartilhe