capa
Laura Gluer

Cafés e cultura startup: estimulam ideias e conectam pessoas

Laura Gluer traz dicas de novos espaços na capital e o café como combustível nos ambientes de trabalho

publicidade

No ambiente de uma cafeteria ou para levar, o café estimula as ideias e conecta as pessoas. Nesta semana, trazemos dicas de novos cafés em Porto Alegre, o crescimento da marca italiana Lavazza e o café como combustível nos ambientes de trabalho influenciados pela cultura startup.

Caffeine Coffee.co: novo espaço inaugura dia 14

Um lugar all in one, que serve do café da manhã ao jantar, com uma proposta singular e muito aroma de café. Assim é o Caffeine Coffee.Co, que inaugura neste sábado, dia 14, em Porto Alegre. Inspirado em uma cafeteria que conheceu em Floripa, o empreendedor Rodrigo Viegas Menegotto decidiu abrir seu próprio negócio. Além de espressos e gelados, Caffeine também vai oferecer outros sete métodos diferentes de preparo de café: Siphon, Chemex, Hario V60, Clever, Frenchpress, Aeropress, Kalita.

No cardápio, diferentes opções de pratos veganos, vegetarianos e carnívoros. O espaço funcionará de segunda a sábado, das 9h às 19h e nos domingos e feriados, das 14h às 19 h, na Vicente da Fontoura, 2805 loja 01, Bela Vista.   

Café conecta zona sul de POA

Localizado na zona sul de Porto Alegre, o Café do Bairro, nasceu com a proposta de conectar os bairros da zona sul da capital gaúcha. A proprietária, Raquel Barbosa, administradora nascida no Guarujá, decorou o espaço com fotos do pôr do sol no Guaíba e batizou seus cafés com o nome de bairros e ruas da zona sul de Porto Alegre. “Tem o café Cavalhada, Restinga, Lami, Belém Novo, Juca Batista, e por aí vai” explica Raquel. Outro charme são as mesas feitas de tonel e as cadeiras com espaldar em forma de xícara. O Café do Bairro fica na Eduardo Prado, 2161, Ipanema.

Lavazza ganha espaço no RS

A marca de café Lavazza surgiu em uma pequena mercearia de Turim, na Itália, em 1895. Com 120 anos de história, está presente hoje em 90 países. No Brasil, um dos cafés mais vendidos é o !Tierra! Origins, feito com grãos brasileiros 100% arábica, em um projeto voltado à sustentabilidade, desenvolvido em colaboração com a ONG Rainforest Alliance. O RS já conta com mais de 200 pontos do café italiano em restaurantes e cafeterias, principalmente na serra gaúcha, distribuídos com exclusividade pela Espressomatic.

Café e Cultura Startup

Com horários de trabalho mais flexíveis, arquiteturas que convidam à integração e ao engajamento, a cultura startup é regada por uma bebida energética e que é sempre um bom pretexto para a troca de ideias - o café. Em muitas empresas de cultura startup, o espaço do café (conhecido como Coffee Corner) roubou o destaque da antiga sala de reuniões. Ali temas importantes são debatidos, tempestades de ideias acontecem, de forma lúdica e descontraída, aquecidas por goles da bebida. 

O café também estimula o raciocínio para a aplicação de metodologias ágeis (design thinking), que buscam a solução de problemas de forma colaborativa. Empreendedores de startups também lançam mão do café como forma de se conectar com futuros investidores. Um exemplo disso é o espaço reservado para o café nas edições do Campus Party, imersão de inovação que acontece em várias capitais brasileiras.

Quer saber mais sobre café? Visite www.cafecombustivel.com.br

por Laura Gluer

Laura Glüer é jornalista, executiva no mercado da comunicação corporativa e professora universitária. Mãe da Sophia e namorada do Alexandre. Ama conhecer cafeterias e aprender mais sobre a bebida. Coffee lover assumida, comanda o Café Combustível e escreve quinzenalmente no Bella Mais.


compartilhe