capa
Laura Gluer

Para curtir as férias, na praia, serra ou cidade, com muito café

Laura Gluer dá dicas para aproveitar o café onde você estiver nesse verão

publicidade

O ano começa com um novo café inaugurando na rua mais bonita da capital gaúcha e dicas para curtir bons cafés na praia mais charmosa do litoral. Também dividimos com vocês uma experiência surpreendente de café de hotel na serra gaúcha. Porque todos os dias do ano mas, principalmente nas férias, o café precisa nos proporcionar um momento de relaxamento e prazer.

Novo café na rua mais bonita de Porto Alegre

Um passeio por cafés, viagens e culturas. Essa é a proposta das sócias Julia Limp de Almeida e Juliana Martins Suman, que inauguram neste sábado (18) o Poza Café, na Rua Gonçalo de Carvalho, bairro Floresta, em Porto Alegre. O cardápio terá itens fixos e pratos temáticos, que vão trocar a cada três meses. A primeira inspiração será a Tailândia. 

A casa servirá cafés de Araponga (MG) em oito métodos diferentes, incluindo algumas formas artesanais de extrair café espresso.  Outra bebida que promete agradar aquelas pessoas que gostam do ambiente das cafeterias, mas não curtem muito café é o Matcha Latte, erva verde tradicional do Japão, trazida com exclusividade pelas sócias. 

Uma equipe 100% feminina, desde a reforma da casa datada de 1940 - na rua conhecida como mais bonita da capital - até o atendimento do balcão: empoderamento feminino é outra marca importante da casa. 

Cafeterias de Torres

A charmosa praia de Torres tem recantos convidativos à beira-mar e aquele contraste deslumbrante do mar contra as formações rochosas. Mas também tem dois cantinhos deliciosos para tomar um bom café – que indico a todo mundo que vai veranear ou passear por lá. 

Doce Art é o café mais antigo de Torres, localizado bem no Centro da cidade, na Avenida Silva Jardim. Completa duas décadas em 2020 e, além de cafés quentes e gelados, oferece waffles deliciosos, com vários acompanhamentos de frutas e sorvetes. 

Perto da Lagoa do Violão, tem também o Monsieur Café, com um clima de bistrô parisiente e mesas na calçada. Um lugar aconchegante para saborear um bom café, ler um livro e esquecer um pouco do clima praiano. 

Café da manhã faz parte da experiência de viagem

No período de férias, muita gente também troca o café da manhã de casa pelo do hotel. Curtir um café sem pressa, livre da pressão do dia a dia e sem ter de lavar a louça. Quem não gosta disso, né? 

Segundo Fernanda Germano, consultora do Sindicato de Alimentação e Hospedagem de Porto Alegre (Sindha)  e professora na área de Hotelaria, o café da manhã tem uma importância fundamental na experiência de viagem. “A hospitalidade desperta um conjunto de elementos sensoriais como sensações de acolhimento, de conforto, de descanso, de carinho e cuidado”, comenta. 

O cenário, a escolha dos ingredientes e utensílios, tudo é pensado para que a experiência seja única e memorável.  Muitos empreendimentos, já oferecem nas unidades habitacionais, máquinas de café com cápsulas ou cafeteiras compondo os itens de minibar. “Os hotéis devem surpreender seus hóspedes em todos os momentos da hospedagem e diversificar os cafés é uma forma de encantar”, comenta Fernanda. 

Na coluna de hoje compartilhamos com vocês a agradável experiência de café da manhã que tivemos no Eco-Hotel Bangalôs da Serra, em Gramado. Com vista privilegiada para o Vale do Tigre, o hotel surpreende com alimentos frescos de produção orgânica, do próprio empreendimento e de fornecedores locais e café das fazendas de Minas Gerais, moído e passado na hora. Dependendo do dia da semana, um dos bolos servidos é de café, receita da proprietária Marilu Kern. E à beira da piscina, antes do almoço ou no final da tarde, ainda se pode tomar um refrescante coquetel de café, cuja receita compartilhamos para você fazer nas suas férias. 

Coquetel de Café – Receita original Bangalôs da Serra

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by Hotel Bangalôs da Serra (@bangalosdaserra) on

60 ml de vodca ou aguardente
2 colheres pequenas de café solúvel
250 ml de guaraná
2 colheres de sopa de leite condensado
2 colher de sopa de creme de leite

Bater tudo no liquidificador por 3 minutos, acrescentar gelo a gosto e está pronto para tomar

por Laura Gluer

Laura Glüer é jornalista, executiva no mercado da comunicação corporativa e professora universitária. Mãe da Sophia e namorada do Alexandre. Ama conhecer cafeterias e aprender mais sobre a bebida. Coffee lover assumida, comanda o Café Combustível e escreve quinzenalmente no Bella Mais.


compartilhe