capa

Ariana Grande: princesa pop faz aniversário

Ao completar hoje 27 anos, Ariana Grande acumula prêmios, música boa e ações sociais


publicidade

A princesa pop Ariana Grande completa hoje 27 anos. O sucesso parece ser parceiro da artista, que mesmo com a pouca idade, já soma 11 indicações ao Grammy, que foi conquistado por ela em 2019, na categoria de melhor álbum de pop vocal, com Sweetener. 

Além da carreira de cantora, ela também estrelou musicais - inclusive da Broadway, quando tinha apenas 15 anos. Já na TV, foi escalada para o elenco principal da série Victorious, do canal Nickelodeon. Multitarefas!

No início do mês de junho, a Forbes divulgou a lista das 100 celebridades mais bem pagas em 2020. Ariana é a cantora feminina com a melhor colocação, em 17º lugar, com 72 milhões de dólares (cerca de 367 milhões de reais). E ela sabe investir seu patrimônio: recentemente, fez a aquisição seu primeiro imóvel próprio, uma mansão em Hollywood com quatro quartos, um escritório, sete banheiros, além de uma paisagem paradisíaca. Um verdadeiro luxo!

God is a woman

O álbum Sweetener, que rendeu o primeiro Grammy da artista e é marcado por trazer letras mais profundas e inspiradas em experiências vividas por Ariana. A música God is a woman, por exemplo, é considerada um manifesto feminista. O hit chamou atenção inclusive da cantora Elza Soares, que na mesma época lançava o disco “Deus é mulher” - a artista brasileira chegou a enviar um recado para Ariana em seu twitter: ''Querida, meus fãs acabaram de me mostrar o título da sua nova música. Vejo que você também acredita que Deus é MULHER. Aqui vai meu álbum para você, com o mesmo título. Estou ansiosa para ouvir a sua nova música... DEUS É MULHER, meu amor'', escreveu.

Em maio, Ariana lançou "Rain on Me", uma parceria com Lady Gaga e que faz parte do álbum "Chromática" de Gaga. A música chegou dias depois ao topo da parada da "Billboard" dos EUA, conquistando o primeiro lugar no Hot 100. 

Atentado em Manchester e ações sociais

Em maio de 2017, logo após o término de um show da cantora em Manchester, na Inglaterra, aconteceu um atentado terrorista no mesmo local, deixando 22 mortos e mais de 100 feridos. Pouco tempo depois, em junho, Ariana voltou à cidade para a realização de um show beneficente em prol das vítimas. Conhecido como One Love Manchester, a apresentação contou com a participação de artistas como Miley Cyrus e Justin Bieber e arrecadou 10 milhões de libras. 

Ainda nesta semana, Ariana foi notícia ao distribuir foodtrucks de comida e bebida gratuitas para as pessoas que foram votar no Kentucky Exposition Center, em Louisville, no estado norte-americano do Kentucky. “Mandei alguns foodtrucks com comida e café para todo mundo esperando na fila! Por favor, fiquem à vontade, aproveitem e usem suas vozes, precisamos de vocês”, escreveu a cantora em seu twitter. Ela também participou dos protestos #VidasNegrasImportam, indo às ruas.


 


compartilhe