capa

Designer de sapatos, Sergio Rossi morre em decorrência do coronavírus

Aos 84 anos, ele foi criador de uma das marcas mais tradicionais de sapatos femininos do mundo

publicidade

Vítima da covid-19, doença que já causou mais de 13 mil mortes na Itália, o designer italiano Sergio Rossi, de 84 anos, morreu na noite desta quinta-feira, dia 2 de abril, na cidade de Cesena. Rossi estava hospitalizado após contrair a doença.

O designer construiu um império desenhando sapatos femininos de luxo e já estava aposentado. Atualmente, sua marca faz parte do grupo Kering, empresa que tem em seu portfólio grifes como Gucci, Bottega Venetta e Balenciaga. Entre as famosas que calçavam suas criações estão Kim Kardashian, Rihanna e Victoria Beckham.

Em comunicado, o CEO da empresa, Riccardo Sciutto, relembrou a vida e o talento do designer. "Ele amava mulheres e era capaz de capturar a feminilidade de uma forma única, criando a perfeita extensão da perna feminina com seus sapatos. Nossa longa e gloriosa história começou com sua visão incrível e nos lembraremos de sua criatividade para sempre", escreveu.

Agência Estado

compartilhe