capa

Ousadia e glamour no Grammy 2020

Entre looks audaciosos, as tendências do ano se destacaram


publicidade

A noite mais importante para o mundo da música aconteceu ontem, 26, no Staples Center em Los Angeles. Como é tradição, o red carpet da 62ª edição do Grammy trouxe os looks mais ousados da temporada até agora. Separamos as inspirações – e loucuras – que apareceram na premiação.

O vestido de princesa de Ariana Grande foi um dos mais comentados da noite! A cantora atravessou o tapete vermelho envolta em uma nuvem de tule cinza, assinada por Giambattista Valli. Bebe Rexha foi umas adeptas do terno na noite com um conjunto preto oversized com detalhes em seda. A artista de pop combinou o corte clássico com uma gola alta de correntes. Outro destaque da premiação foi o look usado pela cantora de jazz Jazzmeia Horn. Com inspirações étnicas, o vestido estampado foi combinado com um turbante vermelho. 

As cores tem espaço na ousadia do tapete vermelho da música! Chrissy Teigen brilhou em um vestido laranja. Ela levou a tendência das mangas bufantes ao extremo com o modelo Yanina Spring. FKA Twigs apostou em um visual dramático com um charme gótico. O rosa e as rendas do look Ed Marler combinaram perfeitamente com o estilo da cantora. Jameela Jamil combinou azul e preto em seu vestido Georges Chakra. Com tule e brilho, a atriz da série The Good Place manteve o visual elegante, porém com um toque de ousadia. 

Uma das surpresas da noite foram os looks curtos e assimétricos que tomaram o red carpet. Sophie Turner, Pia Mia e Liza Koshy usaram vestidos acima do joelho para a premiação. Além delas, Gwen Stefani, acompanhada do namorado Blake Shelton, apostou em um mini Dolce & Gabbana bordado e estruturado. O visual ficou completo com botas brancas acima do joelho. Já o look Atelier Versace de Camila Cabello foi composto por duas partes: um minivestido com couro e cristais Swarovski e uma saia bufante mais curta na parte da frente. A top model Alessandra Ambrosio ousou em Balmain. Em preto e branco, a peça fazia as vezes de um macacão longo em um lado e um macaquinho curto do outro. 

Uma das maiores tendências dessa temporada de premiações é o branco! Lizzo apostou no charme clássico hollywoodiano em um Versace. A cantora fechou o visual glamouroso com uma estola de pele branca. Dua Lipa veio direto dos anos 90 para o Grammy! A cantora, de Vivienne Westwood, combinou uma blusa com decote drapeado e uma saia longa em branco. A atriz Priyanka Chopra trouxe diversos elementos para compor seu look all white. O vestido Ralph and Russo se aproxima de um kimono bordado, com decote profundo e franjas nas mangas.

Os brilhos também tiveram vez no tapete vermelho. Lana Del Rey adaptou o seu estilo vintage para a elegância necessária ao red carpet. O vestido não contou com assinatura de um designer consagrado: a cantora encontrou a peça no shopping! Heidi Klum apostou em transparências e bordados na noite de ontem. Aos 46 anos, a apresentadora mostrou a boa forma com decote e fenda profundos no vestido Dundas. O vestido Giuseppe di Morabito da modelo Grace Elizabeth foi feito inteiramente de correntes. O decote drapeado e o corte vertical deixaram o visual ainda mais sexy.

A ousadia do Grammy não ficou limitada apenas às mulheres! Os homens usaram o tapete vermelho para desafiar estereótipos e padrões. Já era esperado que Billy Porter investisse em um visual arrasador, mas ele conseguiu surpreender apostando em acessórios inovadores. O ator usou um macacão azul brilhante com botas, chapéu e bolsa com franjas prateadas. O cantor de Old Town Road gosta de reinterpretar o look de cowboy. Para a premiação, Lil Nas X apostou na tendência do neon e usou rosa da cabeça aos pés. Tyler, The Creator pareceu saído do filme Grande Hotel Budapeste em um uniforme completo de carregador de bagagens. Ele entrou no personagem com o chapéu clássico e até uma mala com roupas.

Fotos: Frazer Harrison, Valerie Macon e Amy Sussman para AFP


compartilhe